Alunos Autores – Meu Medo

Meu Medo

Às vezes, quando ando na rua, reparo em pessoas extremamente sérias. Vejo atendentes grossos e desanimados nos restaurantes. Pessoas que não parecem bem.

Tenho 13 anos. Tecnicamente, eu não sou mais criança. Sou adolescente e estou indo direto para a vida adulta. O que me preocupa um pouco, honestamente.

Quando eu era pequena, sempre fui tímida, o que melhorou um pouco atualmente. Converso com pessoas e faço amigos novos. Meu grande medo mesmo é virar uma adulta e desaprender a me divertir com as coisas pequenas da vida. Como fazer algo errado sem querer, e deixar qualquer que seja o trabalho ou lição com um toque cômico e divertido. Ter um amigo muito próximo e dar de presente alguma coisa que ele não gosta, só porque ele vai rir. Meu medo é virar adulta e desaprender a rir de piadas “bestas”. É de não ter tempo de ver um filme ou série, ou simplesmente sair com amigos.

Meu medo é de virar uma pessoa que desaprendeu a ser leve e despreocupada em momentos da vida, só porque “meu trabalho não me permite.”.

Porque algumas pessoas aprendem coisas ao longo da vida, e outras desaprendem.

Texto de autoria de Júlia Raele, aluna do 8º ano do HWR.

Anúncios