Mestre de Corpo e Alma

Professor EdgardQuando criança, ele não tinha dinheiro para fazer Judô. “Naquele tempo, Judô era um esporte muito caro”, conta. Mas os caminhos que a gente precisa percorrer sempre se abrem de algum modo, à nossa frente; e o menino Edgard conheceu, no Colégio Assis Chateaubriand, um garoto muito forte que, aos quinze anos, já era faixa preta, campeão brasileiro e sul-americano do esporte: o Roberto Machusso. Essa amizade, para Edgard, abriu as portas da academia de judô, do pai do Roberto, que o convidou a frequentar as aulas de graça e a pagar quando pudesse. E foi justamente vendo o amigo dando aulas que Edgard compreendeu o seu destino. “Um dia, você vai abrir esta porta e vai buscar o seu caminho”, disse o pai do Roberto. E foi exatamente isso o que aconteceu: o Edgard tornou-se professor de Judô e Educação Física até chegar o momento de ele seguir além das paredes daquela academia. Há mais de 30 anos, ele decidiu, intuitivamente, bater à porta da pequena escola da Rua Paula Ney e perguntar: “Vocês precisam de um professor de Judô?” Uma das diretoras, a Rosaly, abriu um sorriso: “Nossa! Estávamos mesmo procurando um e não sabíamos onde encontrar.” E foi assim, com a força dos caminhos escolhidos pelo destino, que o professor Edgard chegou ao Henri Wallon|Recrearte. Na Escola, ele pratica o Judô Pedagógico, cujo foco principal não é a competição, mas o reforço às qualidades humanas que promovem o respeito e a cidadania. Aprender Judô é aprender a lidar com regras, a manter o controle. “Se perder o controle, é eliminado da luta”, explica Edgard, cheio de amor pelo que faz. É também exercitar a autoconfiança, o equilíbrio motor e psicológico. Além da rotina semanal de muitas aulas nas escolas, ele abriu espaço para o trabalho voluntário, todos os sábados, na comunidade de Heliópolis, onde ensina esse esporte às crianças carentes. “Trabalho social”, explica Edgard: “a gente não precisa sair de casa para fazer, podemos sempre ajudar aqueles que estão próximos”. Onde ele arruma energia para orientar tantas crianças? Edgard responde com o seu jeitão sereno: “Todos os dias, digo a mim mesmo: ‘hoje, vou dar a melhor aula da minha vida’, e a energia vem”. Este é o Mestre!

 

Edgard Morelli é professor de Judô, Iniciação Esportiva e Futsal do Colégio Henri Wallon Recrearte.

Anúncios